Buscar

O que é o projeto Ilha?

R.A.Q. (Rarely Asked Questions)


O que é este projeto?

É uma metáfora para o desejo de pesquisar o sapateado americano através de quaisquer enfoques possíveis, produzindo conhecimentos que venham a aumentar nosso entendimento da forma de arte, aprofundando nosso conhecimento de seu passado e fomentando, através da reflexão, a sua permanente renovação. Ela é um convite franco e democrático a parcerias com quem quer que ame o sapateado a ponto de desejar estudá-lo. No plano concreto, desejamos produzir, fomentar e compilar produções teóricas e artísticas de sapateadores que nos dêem a honra de ser nossos parceiros.

Ok... mas, na prática, o que vocês fazem?

A gente sapateia, pensa um bocado e... bem, coisas acontecem! Nossos carros-chefe, até aqui:

- O Podcast A Voz Dos Pés.


- A Sessão BiblioTap deste site, com textos sobre sapateado, meus e de gratas parcerias de tablado.


- Cursos, tanto online quanto presenciais.


- Eventos relacionados ao sapateado, norteados pela ideia da horizontalidade e circularidade, sempre procurando promover o Tap Dance junto a novos públicos, bem como estabelecer parcerias sadias entre profissionais sapateadores.


- Uma pesquisa que já tem quase duas décadas de duração e não pretende ter ponto final a cerca da improvisação em tap, em seus aspectos práticos, vivenciais, filosóficos, metodológicos, históricos...

Para além disso, horas e mais horas de conversas e muitas amizades consolidadas entre amantes desta arte, aqui nas praias da Ilha. Aliás... a Ilha tem portos sempre abertos, e você é bem vindo!

Quem coordena este projeto?

Leonardo Dias, de Porto Alegre (RS).

Leo Dias é um sapateador, músico e professor do Rio Grande do Sul, bem no sul do Brasil. Você pode conhecê-lo um pouco melhor neste artigo!

Posso fazer parte? O que eu tenho que fazer?


PODE!

Como? Bom... entre em contato! Tudo começa com uma boa conversa. Já mencionei sobre os portos abertos?

E... por que "Ilha", a final de contas?

Esta é uma história linda... e longa. Começa há muitos anos atrás e envolve os certeiros vaticínios da mestra Valéria Pinheiro.


Clique aqui e conheça essa fábula sapateante!

9 visualizações0 comentário